Nem sempre é claro onde procurar financiamento para tornar seu projeto de estudo no exterior uma realidade. Na Université de Montréal, existem várias possibilidades para conseguir realizar seu projeto. Aqui mostraremos uma visão geral dos benefícios financeiros oferecidos pela UdeM.


A possibilidade de se beneficiar da bolsa de isenção para estudantes internacionais da UdeM

Se você atende às condições de elegibilidade e solicitou uma demanda de admissão, você está automaticamente qualificado para este programa de bolsa. Na Université de Montréal, a grande maioria dos estudantes internacionais é elegível para uma bolsa de isenção aplicada aos valores normalmente cobrados dos estudantes estrangeiros. O valor dessa bolsa varia de acordo com os programas e ciclos de estudos. A vantagem é que não há formulário a ser preenchido, o pedido  é enviado automaticamente após o recebimento da oferta de admissão.

• No primeiro ciclo (graduação), todos os alunos admitidos receberão um valor mínimo de 2.000 CAD por ano de estudo (30 créditos). Dependendo da excelência do histórico acadêmico dos candidatos, a bolsa poderá ser aumentada em até 11.998 CAD por ano de estudo (30 créditos) para um(a) aluno(a) matriculado (a) em um programa de graduação.

• No segundo ciclo (mestrados), todos os alunos(as) admitidos receberão uma bolsa de estudos de até 9.420 CAD por ano acadêmico (45 créditos).

• No terceiro ciclo (doutorados), todos os estudantes admitidos obterão uma isenção total das taxas adicionais e, portanto, pagarão as mesmas taxas solicitadas aos estudantes de Quebec.

Para os critérios de elegibilidade e todos os termos e condições, acesse a página do Bolsa de isenção UdeM para estudantes internacionais.
 


Ter acesso ao repertório da UdeM com mais de 5.000 bolsas de estudo

Um repertório de bolsas reúne diversas oportunidades adaptadas aos diferentes perfis de alunos de qualquer nível de estudo. É verdade que as bolsas de estudo para estudantes internacionais que desejam estudar no Canadá são poucas, altamente competitivas e disponíveis principalmente para estudantes de pós-graduação. Boa notícia: esse é um dos motivos pelos quais o programa de bolsas de isenção da UdeM foi criado.

Entretanto, existem diferentes tipos de bolsas de estudo: excelência, envolvimento em atividades na universidade, perseverança, entre outras. Navegue pelo repertório de bolsas para consultar mais de 5.000 fontes de financiamento oferecidas pela UdeM, bem como por empresas, fundações e várias organizações públicas e privadas. Explore e verifique com frequência, pois novas ofertas são publicadas regularmente. Para obter mais informações, não hesite em participar das sessões de informação oferecidas pelo Services aux étudiants (SAÉ).
 


A possibilidade de obter financiamento de organizações internacionais

Muitas organizações internacionais (Nações Unidas, Organização dos Estados Americanos, Agence universitaire de la Francophonie, Banque mondiale, etc.) oferecem bolsas de estudos para estudantes internacionais. Para saber como se candidatar, você deve se inscrever diretamente no Ministério da Educação do seu país, na Embaixada do Canadá ou na delegação do Quebec mais próxima.

Para mais informações, visite o site Bureaux des Étudiants Internationaux (BEI). Para bolsas internacionais, não deixe de visitar também o site do Governo do Canadá.


A possibilidade de obter um financiamento para seu projeto de pesquisa, através do programa Mitacs Globalink

A bolsa de estudos Mitacs Globalink Research oferece milhares de dólares para estudantes de graduação, pós-graduação e pesquisadores de pós-doutorado contemplando oportunidades de estágios de pesquisa de 12 a 24 semanas em universidades no exterior, incluindo a Université de Montréal.

Através desses estágios, os alunos são supervisionados por professores canadenses. Assim, graças a esse programa, os melhores estudantes estrangeiros do Brasil, China, Índia, México e outros países podem viver a experiência de estudar em universidades canadenses, conhecer suas instalações de pesquisa e as diversas oportunidades de estágio.

Para descobrir as datas de inscrição e receber as últimas notícias sobre este programa, basta se cadastrar para receber atualizações.


A possibilidade de beneficiar de uma isenção das taxas suplementares de escolaridade

Os estudantes cujo país de cidadania assinou um acordo com o governo do Quebec podem se beneficiar de uma isenção das taxas adicionais normalmente cobradas dos estudantes internacionais. Eles poderiam, portanto, pagar os mesmos valores que os estudantes do Quebec ou estudantes canadenses não residentes no Quebec. 

Para visualizar a lista de países ou organizações internacionais que assinaram um contrato de mobilidade estudantil no nível universitário, visite o site do Ministère de l’Éducation et de l’Enseignement Supérieur. Para saber mais sobre as outras situações elegíveis de isenções, visite o site do Bureau du Registeraire.

Alunos franceses ou belgas francófonos 

Um acordo de mobilidade estudantil universitária, feito entre o Quebec e a França e entre o Quebec e a Bélgica, permite que os estudantes franceses e belgas se beneficiem de uma taxa preferencial. Por exemplo, para o ano letivo de 2019-2020, as taxas em vigor para estudantes franceses e belgas são de 5.070 € por ano na graduação e de 850 a 2.450 € na pós-graduação. Para mais informações, visite o site do Bureau du registraire.


Para preparar adequadamente seu pedido de bolsa

Antes de começar, aqui estão algumas leituras úteis para guiá-lo(a) na preparação de uma demanda de uma bolsa: 


À propos de l'auteur(e)
Bruno C. A. de Jesus

Brésilien, passionné de musique et des hamburgers. Bruno est aussi titulaire d’une maîtrise en français langue étrangère et d’un baccalauréat en communication sociale et journalisme. Après avoir vécu plusieurs années en Suisse, il a déménagé à Montréal où actuellement il découvre les meilleurs cafés et friperies de la ville, tout en étant étudiant au doctorat en sciences humaines appliquées. Au cours de ses études, il a cumulé des connaissances interdisciplinaires variées surtout en sociolinguistique, linguistique queer et l’acquisition de langue étrangère. Ces travaux de recherche s’intéressent aux liens entre la langue, l’identité et la culture LGBTQi+.

Musique
Photographie
Voyage

Abonnez-vous à notre blogue

En saisissant votre courriel, vous consentez à recevoir des communications de l’UdeM.

Admission Automne 2021 : Encore temps
Université d'été 2021
Le test cursus: pour trouver votre voie